Tradutor

IMPOSTÔMETRO - SAIBA QUANTO O GOVERNO ARRECADA COM OS TRIBUTOS QUE VOCÊ PAGA:

MENU

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Estádio "BARRETÃO" de Lagarto está abandonado

Paulo Roberto (de Bél)




Fundado em 14 de março de 1971, hoje com 41 anos de existência, o ESTÁDIO ESTADUAL PAULO BARRETO de MENEZES o "BARRETÃO" em Lagarto, nos últimos anos vem passando por momentos horríveis em toda sua estrutura física. Naquela tarde ensolarada de domingo de 14 de março de 1971, acontecia a sua inauguração e o jogo foi entre as equipes do então LAGARTO ESPORTE CLUBE versos o tricolor da serra, a ASSOCIAÇÃO OLÍMPICA de ITABAIANA. Foi uma grande festa e reacendiam-se as esperanças para o ressurgimento do futebol profissional da "TERRA da JACA". Eu, com apenas 11 anos de idade estava lá presente, torcendo fervorosamente pelo time "PERIQUITO ATÔMICO" (e olha que meu irmão TATÍCA (i.m.) jogava pelo ITABAIANA) que venceu os tricolores por 1 x 0, gol assinalado no início da partida através do centroavante DUDA, conhecido como o "CANHÃO da BARRA," foi o gol de honra da partida e o primeiro gol registrado na história do "BARRETÃO". O presidente à época era o Sr. Edson Dória de Carvalho (Edinho- i.m.) e o vice o Sr. Raimundo Alves de Carvalho (Nêgo - i.m.).




LAGARTO E.C. 1X0 A.O.ITABAIANA - Jogo realizado em 14/07/1971, na ocasião era inaugurado o Estádio Paulo Barreto de Menezes. Gol assinalado pelo centroavante Duda (o "Canhão da Barra"). Primeiro Gol registrado no "Barretão". Em pé: Nado, Sinval, Israel, Cigano, Carlos e Zé Paulo; Agachados: Belo, Duda, Piranha, Dequinha e Dácio. Não consta na foto a figura do folclórico massagista "João Petisco".

Equipe do Itabaiana que inaugurou o Barretão - Em pé: Beto Menezes (técnico - i.m.), Augusto, Marcelo, Messias,Humberto(i.m), Bené e Elísio; Agachados: Geraldo (Massagista - i.m), Edmilson, Tatica(i.m), Horácio, Gustinho e Zequinha(i.m).

O "BARRETÃO"

Segundo os cálculos da engenharia da época, o "BARRETÃO" tem capacidade para 8.000 torcedores sentados nas arquibancadas e cadeiras numeradas. É utilizado como mando de campo do hoje LAGARTO F.C..foi construído no governo do regime militar, em plena ditadura do Presidente Médici que, para desviar a atenção da população, começou a construir estádios de futebol enquanto que políticos e intelectuais sofriam nos porões com torturas e mortes praticadas pelos militares da época. A equipe do SITE LAGARTENSE/TV SERIGY esteve na manhã desta terça feira (27) para fazer uma visita ao estádio, e constatou a situação deplorável, lastimável e de total abandono em que se encontra a nossa única e principal praça de esportes. As condições atuais da praça esportiva não condizem com o tamanho e a pujança que representa a cidade de Lagarto para o Estado de Sergipe. O Estádio tem que oferecer maior conforto a seus torcedores e freqüentadores e rivalizar, no bom sentido é claro!, com os Estádios "VAVAZÃO" em Maruim, "FRANCÃO" em Estância e "MÉDICI" em Itabaiana.

REFORMAS

O secretário de esportes e da juventude do Estado Sr. MAURÍCIO PIMENTEL, o famoso "ROLANDO LERO", anuncia através da imprensa esportiva da capital que o "BARRETÃO" está passando por uma ampla reforma, inclusive em seus refletores e placar eletrônico. Tudo engodo, mentira, o que nós constatamos lá foi totalmente o contrário, mostra uma triste realidade a qual se encontra o nosso querido "BARRETÃO". Em 41 anos de existência o "BARRETÃO" nunca passou de alguns pequenos reparos e uma simples pintura, nada mais que isso. Em conversa com um dos diretores do time lagartense, o mesmo nos informou que nenhum contato foi mantido com a diretória em relação aos refletores, e o próprio presidente da federação sergipana de futebol, Sr. Carivaldo Souza, já declarou que não haverá jogos no "BARRETÃO" caso não façam as reposições dos refletores.

O dirigente também nos informou que foi feito um pequeno orçamento para a reposição dos refletores, placar eletrônico, pintura e alguns reparos nas instalações elétricas e hidráulicas e que não passa de R$ 30.000,00 (trinta mil reais), o que é muito pouco para o tamanho do problema, é uma coisa emergencial, pois sabemos que não há mais tempo para uma ampla reforma.

Desde o ano passado que a secretária de esportes do município adquiriu um novo transformador que já está instalado lá no Estádio, já diminuiu um pouco o problema, o que falta agora é vontade política do secretário de esporte e da juventude do Estado, em conivência também com a do nosso município, que assume publicamente que administra o Estádio, fica o jogo de empurra e só quem perde é a população e o torcedor lagartense. Políticos e desportistas sergipanos e lagartenses, o "BARRETÃO" está na U.T.I., o "BARRETÃO" pede SOCORRO. Salvem a nossa única praça de esportes enquanto é tempo. Deixem a vaidade de lado. O LAGARTO F.C. está acima de qualquer coisa.

SAUDADE

Dá muita saudade quando revivemos o dia 07 de junho de 1998. Nessa histórica data o ATLETICO CLUBE LAGARTENSE conquistou o inédito título de CAMPEÃO SERGIPANO. Venceu o VASCO de ARACAJU por 2 x 1, gols de OSVALDO e MARCELO ALVES, descontando Marinho para o VASCO. O jogo foi no "BARRETÃO". Será que iremos reviver tudo isso mais uma vez?

FOTOS

Estamos postando abaixo, as fotos tiradas pela equipe de reportagem esportiva do SITE LAGARTENSE/TV SERIGY, mostrando ao público e torcedor sergipano, a real situação em que se encontra o "BARRETÃO".


 
Refletores inexistentes

Vestiário totalmente abandonado
Placar eletrônico vergonhoso


Sala dos árbitros

Matagal toma conta dos banheiros

Instalação elétrica comprometida - Cabine de Rádio

Instalação hidráulica totalmente danificada - Cabine de Rádio

Banheiro para imprensa

Cabine de rádio

Cabine de rádio

Instlação elétrica - Cadeiras numeradas

Gramado em estado crítico, porém vem sendo milagrosamente conservado pelos abnegados funcionários Bereu e Edésio
Cadeiras numeradas
Rachaduras no piso de acesso às cadeiras numeradas










Rachadura em pilastra das arquibancadas




Nenhum comentário:

Postar um comentário